Temporada    

2013

< (#) >

 
Calendário:
Prova Data

Cidade

Circuito Bat.

1

23/Fev  Curitiba Kartódromo RA P
2 9/Mar  Ponta Grossa Na Pole Position
(Com Irrigação artificial)
L
CBr 23/Mar Circuito Brasileiro
Campo Grande
                 (MS)
Speed Kart
3 13Abr  Maringá Adrenalina Kart L
4 27/Abr  Rio Negro Kartódromo de
Rio Negro
P
CBr 11/Mai Circuito Brasileiro
Volta Redonda
                 (RJ)
Kartódromo de Volta Redonda
5 25/Mai  Mandirituba Primo´s Kart L
6 8/Jun  Foz do Iguaçu Kartódromo de Foz do Iguaçu L
7 22/Jun  Colombo MKI Colombo P
CBr 29/Jun Circuito Brasileiro
Ponta Grossa
               (PR)
Na Pole Position
(
T1,T2,T3)
8 13/Jul  São José dos
        Pinhais
RKI L
9 27/Jul  Mandirituba Primo´s Kart P
10 10/Ago  Matinhos Kartódromo de Matinhos L
CBr 17/Ago Circuito Brasileiro
São Bento do Sul
                  (SC)
Arena Kart
11 14/Set  Pinhais MKI-Carrefour P
12 28/Set  Maringá Adrenalina Kart P
CBr 19/Out Circuito Brasileiro
Nova Odessa
              (SP)
Kartódromo MMoa
13 9/Nov  Cascavel Kartódromo de Cascavel L
14 23/Nov  Rio Negro Kartódromo de
Rio Negro
P
15 30/Nov  Curitiba Kartódromo RA S.Final
Finais

L: Baterias Começando pelos Leves   
P:
Baterias Começando pelos Pesados

Até a penúltima etapa pilotos deverão observar seus 9 melhores resultados + 1CBR

     - Para os que forem para a Super Final: 9R+1CBR+SF  
= 9(de 17 incluindo o DBA) melhores resultados válidos + 1(de 5) MelhoresResultados do Circuito Basileiro + Super Final

     - Para os que NÃO forem para a Super Final: 10R+1CBR
OBS.: Final normalmente por classificação no campeonato podendo ser utilizada normalmente como descarte nos 10 M.Resultados

 

Copa Paraná :

* Circuito Brasileiro

Circuito Brasileiro - CBr

 

 

Sedes:
Melhor Atendimento

Rio Negro
(Primo´s Kart/Rio Mafra) (27/Abr)
Na Pole Position (29/Jun)

99,96%
Melhor Etapa

Matinhos (10/Ago)

99,42%
Melhor Traçado

Cascavel (9/Nov)

99,16%
Melhor Estrutura 

Na Pole Position (29/Jun)

93,15%
Melhores Karts

Cascavel (9/Nov)

97,52%

 

 
Campeonato de Pilotos
Campeão Heldo Gugelmin 227
Luiz Aguiar 216,5
Mauro Matoski 206
Sandro José da Maia 202,5
Edson da Silva Santos 198
Catherine Matoski 161,5
Ron Vriesman 161
Valquíria Santos 158,5
José Augusto 129,5
10º Fábio Monteiro 76
11º Luiz Fernando Morosini 71,5
12º Jean Carlos Morosini 71
13º Paulo Ricardo 64,5
14º Alex Alves 57,5
15º Leandro Schillo 57
16º Cyro Augusto 53,5
17º Erico Paulo Ramos 53
18º Ney Bittencourt 50
19º Juliano Rocha 49,5
20º Cláudia Cardozo 43
" Lucas Amazonas 43
" José Lucas Galvão 43
23º Jean Pierre 41,5
24º Carlos Andrey 39,5
25º Fernando Motta 39
26º Tick Saliba 38,5
27º Caio Henrique 37,5
28º Everton Paparelli 37,5
29º Moisés Jacques Rocha 37,5
30º Lincoln Santos 36,5

 

 
Campeonato de Equipes
Campeã Police Kart Servopa
-
Sandro José da Maia
-Edson da Silva Santos
381
GTK
-
Ron Vriesman
-Gabriel Demogalski
-Heldo Gugelmin
374,5
Matoski
-
Mauro Matoski
-Catherine Matoski
-Lucas Amazonas
360,5
Schillo
-
Leandro Schillo
-
Luiz Aguiar
-Cyro Augusto
275
GTK 1
-
Valquíria Santos
-Juliano Rocha
179
Morosini
-
Luiz Fernando Morosini
-Jean Carlos Morosini
142,5

 

 

Melhor Equipe Estrangeira
Campeã João Jorge/João Eduardo 43

 

 

Campeonato Feminino

Campeã Valquíria Santos 172,5
Catherine Matoski 170,5
Cláudia Cardozo 43
Vanesa Fabris 32
Yara Volpe 21,5
Zonia Alfonzo 20,5
Ariane Mara Pereira 19

 

Campeonato  de Voltas Mais Rápidas
Campeão Heldo Gugelmin 7
2º Luiz Aguiar 7
3º Mauro Matoski 5
4º Ron Vriesman 5
5º Sandro José da Maia 3
6ª Catherine Matoski 3
7º José Augusto 3
8º Paulo Ricardo 3
9º Cyro Augusto 3
10º Edson da Silva Santos 2

 

Campeonato de Poles
Campeão Luiz Aguiar 10
Heldo Gugelmin 9
Edson da Silva Santos 5
Mauro Matoski 5
Ron Vriesman 5
Sandro José da Maia 3
Valquíria Santos 3
Catherine Matoski 3
Paulo Ricardo 3
10º Jean Carlos Morosini 2

 

 

Regionais:

 

Curitiba
1 José Lucas Galvão 43
2 Jean Carlos Morosini 39,5
3 José Augusto 37,5
4 Caio Henrique 37,5
5 Mauro Matoski 36
6 Catherine Matoski 36
7 Pedro Vítor 36
8 Luiz Fernando Morosini 33
9 Cyro Augusto 32
10 Ney Bittencourt 32

 

Mandirituba
1 Luiz Aguiar 41
2 Valquíria Santos 37,5
3 Edson da Silva Santos 37
4 Heldo Gugelmin 36,5
5 Catherine Matoski 36,5
6 Sandro José da Maia 36
7 Mauro Matoski 34
8 Paulo Ricardo 21,5
9 Ron Vriesman 21,5
10 Vanesa Fabris 20
 
Maringá
1 Jean Pierre 41,5
2 Heldo Gugelmin 40
3 Edson da Silva Santos 39,5
4 Alex Alves 39
5 Everton Paparelli 37,5
6 Moisés Jacques Rocha 37,5
7 Erico Paulo Ramos 37
8 Marcos Fernando Kornievicz 35
9 Paulo Henrique 34
10 Luiz Aguiar 32,5

 

 
Ponta Grossa
1 Paulo Ricardo 43
2 Ron Vriesman 42,5
3 Fernando Motta 39
4 Heldo Gugelmin 37
5 Gabriel Demogalski 36,5
6 Sandro José da Maia 34
7 Valquíria Santos 34
8 Luiz Aguiar 34
9 Nielson Hey 32
10 Juliano Rocha 31,5

 

Rio Negro
1 Catherine Matoski 43
" Luiz Aguiar 43
" Mauro Matoski 43
4 Tick Saliba 38,5
5 Marlon Blum 35
6 Heldo Gugelmin 34,5
7 Sandro José da Maia 34
8 Edson da Silva Santos 34
9 Lucas Amazonas 21,5
" Leandro Ferigotti 21,5

 

Em 2013 a economia geral do país provocou uma queda no número de pilotos em todos os campeonatos do país. Na Copa não foi diferente e, com o foco da organização voltando-se a assuntos que marcariam o último ano integral desta pela Copa, todos os pilotos começaram a ser avisados desde o início do campeonato que este poderia ser o último ano da organização integral que esteve à frente da Copa desde 2007.  

Alguns grupos que tentavam vencer a todo custo e, aproveitando-se do momento, fizeram certo motim com boicote inclusive. Mesmo assim a Copa Paraná não deixou de ser o Maior Campeonato no País com números menos expressivos mas ainda com 183 pilotos em 2013.  

Ainda lutando pelo kart no estado o regulamento deste ano previa que outros campeonatos que corressem em local com chuva teriam seu nome retificados em Equipes. Apkpg realizou etapa no Kartódromo de SJP(que não corre com chuva) e teve seu nome retificado conforme previa regulamento(justamente da Ponta Grossa que tem o único local no estado com irrigação artificial). Com dois anos realizando etapas de rua houve um problema com  Ponta Grossa. Queríamos demais a etapa na cidade mas o local queria cobrar mais do dobro do valor da etapa realizada no local e em consequência disto a Copa voltou a realizar etapa em Pinhais(MKI). Após 3 anos de Duelo Brasil x Argentina a disputa não seria realizada no país do pentacampeão Juan Manuel Fangio. A Copa Paraná tentou realizar corrida nas cidades de Eldorado, Victoria, Puero Piray, Montecarlo, Caraguatay, Leandro Alem, Obera e Posadas, sem sucesso com negociação em nenhum destes. A etapa extra seria mais uma etapa do Circuito Brasileiro.  

O ano começou com o Paraná tendo dois lugares que não corriam com chuva. Depois de várias reivindicações  Cascavel passou a permitir corrida com chuva e com isso recebeu a Etapa da Copa em uma grata surpresa apresentando os melhores karts e a avaliação da melhor pista para karts de locação no estado. Ainda sob chuva, uma das primeiras surpresas no ano para os paranaenses foi o Brasileiro na 1ª etapa em Campo Grande no qual Edson da Silva Santos venceu debaixo de um temporal. A etapa sul-mato-grossense foi também a única no ano que apresentou punição extra pista por comportamento de piloto. No Brasileiro houve pelo menos um paranaense ganhando etapa em cada uma das 5 etapas do Circuito. O Paraná, pelo 3o ano seguido, seria o Campeão do Circuito.  

Em geral as etapas foram bem tranquilas, com maior número de acertos desde 2007 na escolha das etapas. Tentativas para realizar etapa em Quitandinha, Ponta Grossa(rua - como já havia sido dito), Araucária e União da Vitória não foram para frente mas gratas surpresas brindaram o ano de 2013. 2013 foi o ano com mais cidades no estado a receberem etapas da Copa Paraná - 11 Cidades.  

De União da Vitória sairia o Campeão da 3a cidade diferente nos 3 últimos anos: Heldo Gugelmin. A Police Kart Servopa, de Matinhos, conquistaria o título de Equipes. O ano de 2013 chegaria à última etapa do ano com todos os campeonatos indefinidos. 2013 seria também o ano com mais cidades conquistando os campeonatos. O sotero-curitibano, Luiz Aguiar, que chegaria à final de pilotos empatado em pontos com Heldo Gugelmin, venceria o campeonato de Poles. Em Equipes estrangeiras o Bi vai para a equipe Angolana formada por João Jorge e João Eduardo(dupla nacionalidade) em campeonato que contou também com Argentina e Paraguai. Bi também para Valquíria Santos, no Feminino, de Ponta Grossa. Fechando o ano, Voltas Mais rápidas tem novamente o Heldo Gugelmin como vencedor.

De 2007 a 2013 foram 1009 pilotos09 pilotos, com 48 senhoritas e 940 participantes pelo campeonato de Equipes. Foram também 94 Provas, sendo 123 contando etapas extras como o Brasileiro e Duelo Brasil x Argentina, num total de 26 cidades, sendo 14 no Estado(Paraná). Agradecemos a todos que fizeram parte da Copa. 2014 chega com menos etapas mas ainda com a História de um dos 3 campeonatos estaduais no país.

Vídeo com o resumo de 2013 da Copa Paraná